julho 09, 2010

Caminhando sob a brisa do mar...


Hoje decidi caminhar pela praia, tanto para sair do sedentarismo quanto para aproveitar o sol que resolveu nos contemplar com seu calor. Tentei marcar com alguém, que por sinal é leitor desse blog, mas ele infelizmente não apareceu... Fazer o quê...

Como já me acostumei a andar sozinho, eis que me pus a caminhar. Logo me veio à memória "flash" do St. James Park, um lugar bem agradável de se estar em uma região um pouco distante de nós aqui...

O parque é bem verde, altamente organizado com seus esquilos rodopiando em volta do gramado e alegrando os turistas que passam por lá. Com a ajuda de um indiano, consegui alimentá-los e me diverti um bocado.

Havia um clima de paz e serenidade ali. Tanto que, após tanto andar e voltar ao mesmo lugar, resolvi me sentar para apenas observar. Olhei para as pessoas e refleti sobre a vida e sua grandiosidade. Esqueci um pouco do relógio, do que tinha que fazer, da fome, do frio... me envolvi na atmosfera aconchegante de paz e tranquilidade. Acredito que todos nós, vez ou outra, deveríamos ter momentos assim: caminhar sem rumo e descobrir que se perder também é achar-se no caminho. Estranho isso, né? Talvez não... Só sei que as águas límpidas, os brancos cisnes e os exuberantes esquilos levaram-me a uma viagem bem profunda dentro de mim mesmo...

Por: Hugo Otávio
Data: 20/06/2010

2 comentários:

Bruniele disse...

Que lindo!!
Gostei do tom poético do final...
bjus lindinhoo

Mônica Modesto disse...

Lindo Hugo, estou louca p entrar de ferias... assim como vc ja esta descançando!!!!!! Bjsss